Pai também pode ficar “grávido”!


Considerando que pesquisas indicam que 54% dos futuros pais desenvolvem sintomas relativos à gravidez durante o curso da gestação, resolvi contar sobre a gravidez do Gustavo enquanto eu esperava a Catarina!

Sim, isso existe e é chamada de Síndrome de Couvade. Não é uma doença propriamente dita, mas é um conjunto de sintomas que pode aparecer no futuro papai durante a gravidez da parceira. Não requer tratamento a menos que esteja impactando diretamente na vida da família.

Eu passei muito mal na gravidez da Catarina. Muito MESMO. Sabe grávida de novela mexicana que vomita, desmaia, pinta e borda? Soy yo. Passei 4 meses IMPRESTÁVEL, um mês mais ou menos e mais 4 meses com a pressão a 6×3. Vomitei no carro enquanto o Gustavo me levava trabalhar (nenhum de nós foi trabalhar aquele dia…), precisava de ajuda para ir ao banheiro pois não conseguia levantar (de tanto que a minha cabeça girava), caí com 20 semanas espatifada de bunda tal qual pata choca no asfalto, enfim. Foi o fim da dignidade desta pessoa que vos fala.

E aí que o Gustavo começou a sentir meus sintomas. Se eu passasse dias enjoada, ele enjoava também. Ele engordou. Se eu reclamasse de dor nas costas, lá estava ele andando corcunda (porque homem é outro nível, né?). A coisa tomou proporção tal que ele acordava e me dizia coisas como: “Por favor, não me conte o que você está sentindo hoje porque tenho uma reunião importante…” ou “Deixa para me contar depois do trabalho se tem algum sintoma novo?” HAHAHAHAHAHA Eu me divertia.

Logo que a Catarina nasceu, minha pressão normalizou. E a saúde do meu marido também!

Vocês conhecem algum pai que ficou grávido?

Beijos e ótima semana!

Thaise

POSTAGENS RELACIONADAS

Arquivo24
Ensaio Gestante
September 26, 2017
sintomas gravidez
10 sintomas estranhos na gravidez
May 21, 2017
meme4
Muita sinusite para uma pessoa tão pequena
March 19, 2017
choro
10 motivos legítimos para uma grávida chorar
February 15, 2017
feminismo
Empatia
December 17, 2016
gravida
Gravidez é uma m…!
December 10, 2016
antes do atraso
Grávida de novo!
November 19, 2016
ensaiofamilia8
Porque quero ter mais filhos
August 11, 2016
estrabismo infantil
Estrabismo infantil
October 31, 2015

1 Comentários

Cristiane Amorim
Responder 18 de maio de 2016

Hahaha Não sabia q isso poderia acontecer!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com "*"