4 atividades SIMPLES para tirar as crianças da frente da TV


Por tudo que eu estudei de desenvolvimento infantil, eu não consigo ficar tranquila e de boa com a infância de hoje. Shopping não conta como passeio, tablet não é opção, TV não é lazer, criança não faz horário de adulto. Cada vez mais, a ciência prova a importância do livre-brincar, do ócio, do tempo não-supervisionado. É claro que nosso estilo de vida não facilita em nada a tarefa: trabalhamos muito, vivemos ocupados, na vida real precisamos de crianças entretidas de vez em quando (porque né…todo mundo precisa usar o banheiro de vez em quando sabendo que a casa não vai pegar fogo!). Precisamos, entretanto, fazer um mea culpa e, muitas vezes, consertar A NOSSA rotina antes de consertar a rotina dos nossos filhos. Uma amiga me disse essa semana que para tirar o tablet do filho estava rolando um detox tecnológico na família toda. Ela está certa. Se formos hipócritas, nossos filhos são os primeiros a enfiar os dedos nas nossas caras e dizer “mas você faz!”. Nós ouvimos um monte de “Eu sou adulto, eu posso” na nossa infância e isso não cola mais com essa geração que já nasce questionando.

Enfim, aqui em casa a médio prazo o tablet não entra. Não vejo realmente como algo bom para a minha filha que só tem 4 anos. Quando ela sai com a gente, precisa aprender a se distrair e a interagir, a ter modos e a respeitar o espaço e o tempo alheio. Falei disso AQUI. Quando estamos no carro, ela deve conversar com a gente e se distrair com a paisagem. Quando foi que esquecemos de olhar para o mundo? Aliás, eu acho que está faltando muito isso para os adultos também, então também estimulo minha filha a fazê-lo. Ela, como nunca teve DVD/TV/tablet no carro/no restaurante/na vida não sente a menor falta. Porque crianças são exploradores, são inventores, são cientistas. Eles precisam que seu papel ATIVO seja estimulado. É um eterno desafio porque várias crianças do convívio dela tem, mas acho que está tudo bem até agora.

A TV eu controlo. Controlo qualitativa e quantitativamente. Controlo O QUE ASSISTE e QUANTO TEMPO assiste. Não proíbo, mas uso a meu favor. Uso se preciso abaixar o fogo da Cata, por exemplo, se ela está muito agitada. Uso para ilustrar algo que estiver ensinando (semana passada foi o Menino Maluquinho, na semana anterior o Sítio do Picapau Amarelo, essa semana é o Pinóquio). Uso nas emergências (banheiro, Aurora, entregas, cansaço extremo etc). Enfim. Uso como exceção, não regra. Na vida real, eu passo meus dias tentando entretê-las com atividades que permitam um desenvolvimento global, que permitam a exploração, a criatividade, a experimentação e, principalmente, que elas ganhem um papel ativo em seu próprio crescimento ao invés de ficar sentada assistindo a algo pronto. Quando a vida fora da TV fica muito mais interessante, eu sei que ganhei meu dia <3

Aqui 4 ideias para entreter a cria sem grandes malabarismos e preparações, mas vivo mostrando o que invento no instagram do blog.

  1. Massinha

Amada pelas crianças, odiada pelas mães. Onde há massinha há um rastro de sujeira dias a fio. Você limpa, limpa e limpa e encontra massinha nos lugares mais insólitos, dias depois. Os benefícios, entretanto, são inquestionáveis. Estimula a criatividade e trabalha a coordenação motora fina como poucos materiais. O desenvolvimento da motricidade fina é um grande facilitador no processo de alfabetização infantil. Além disso, a concentração também é tão trabalhada que a massinha frequentemente é usada como recurso terapêutico. Deu até uma dor no coração pensar em quantas vezes você falou não pensando na sujeira, não é? A massinha é extremamente acessível, podendo ser encontrada a precinhos módicos por aí, além de ser fácil de se fazer em casa.

massinha de modelar

2. Pintura em…plástico!

Arrume um apoio de um lado e outro do outro (costas de cadeiras costumam funcionar bem!), passe plástico-filme (aquele de cozinha) e…voilà: uma tela novinha para ser pintada de vários lados e em vários ângulos. A “textura” do plástico é diferente portanto o resultado e a sensação que a criança vai sentir é outra. Aqui também trabalha-se coordenação motora fina (grupos musculares diferentes da massinha), concentração, relação de causa e efeito (se eu misturar essa cor com essa…o que dá?), utilidade dos materiais (pincel serve para pintar!), cores, comandos (pode pintar o plástico, não pode pintar a parede!). Estou querendo testar essa atividade com tinta plástica ao invés de guache. Vou testar essa semana e conto para vocês lá no insta!

atividade educação infantil

Nossa modelete aqui é a Mari! Agradecimentos à mamãe Débora pela foto.

 

3. Atividades com água

Especialmente agora que é época de calor, é sempre sucesso. Eu costumo colocar a banheira na sacada, dar shampoo de hotel ou hospital na mão da Catarina e deixá-la lavando bonecas. Ela fica hoooooras lá. Outras variações que fazemos por aqui: lava-rápido (ao invés de bonecas, carrinhos), Masterchef (potinhos mil e ela brinca que está fazendo comida…faz contagem regressiva e tudo! hahahaha) etc Dá para trabalhar as temperaturas, sensações… água é sempre um sucesso!

brincadeira com água

 

4. Desenhar a partir de carimbos de pé e mão

Faz sujeira, já aviso. Mas eles AMAM! Num dia, eu faço vários carimbos de mãos e pés em várias cores. No outro dia, já com tudo seco, fazemos desenhos a partir desses carimbos. Este carimbo de mão verde virou uma árvore! As possibilidades são infinitas, há milhões de modelos para se copiar na internet ou simplesmente deixar livre para que a criança desenhe o que der na telha! Uso guache que é lavável e atóxico. Costuma sair da roupa só de colocar na máquina e lavar normal. Aqui trabalhamos além da criatividade e concentração (não mexer a mão é MUITO mais difícil do que parece hahahaha), sensações tácteis, texturas, coordenação viso-motora.

atividade para crianças

 

Eu costumava separar as atividades por idade, mas depois que a Aurora nasceu e eu vi que ela topa fazer tudo o que vê a Cata fazendo, não separo mais não! =)

 

E vocês? Como costumam tirar as crianças da frente da TV? Escrevam nos comentários!

 

 

Curso maternidade

POSTAGENS RELACIONADAS

felicidade em família
E se nós já estivermos vivendo tudo aquilo que sonhamos?
November 19, 2018
assedio infantil
Se meu filho não te conhece, pare de pedir beijos!
October 15, 2018
Como pedir a coleção de livros do Itaú 2018
October 10, 2018
desenvolvimento infantil
Como os bebês aprendem?
September 27, 2018
fazendinha interação com animais
Passeio de férias: Fazendinha Cia dos Bichos
July 21, 2018
grávida estupro
Sobrevivi a um estupro – AVISO DE GATILHO
June 03, 2018
dúvida
Feliz Dia das mães para você, homem branco e hétero sem filhos!
May 12, 2018
menino de tutu, machismo
Meu filho usa fantasia da Frozen. E daí?
April 08, 2018
youtube
Primeiro x segundo filho: coisas que a gente aprende
March 05, 2018

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com "*"